AUDIÊNCIA DE AÇÃO COLETIVA SOBRE COMPRESSOR DA U-1530 DEFINE QUE SINDICATO PRODUZA RELATÓRIO SOBRE CONDIÇÕES DE EQUIPAMENTOS NA REDUC

REEMBOLSO OU DOAÇÃO DE R$150,00 DOS CÁLCULOS DA AÇÃO DA RMNR
outubro 25, 2022
Participe dos Encontros com o Jurídico
novembro 10, 2022

AUDIÊNCIA DE AÇÃO COLETIVA SOBRE COMPRESSOR DA U-1530 DEFINE QUE SINDICATO PRODUZA RELATÓRIO SOBRE CONDIÇÕES DE EQUIPAMENTOS NA REDUC

No dia 24 de outubro ocorreu a audiência de conciliação do processo (nº 0100398-47.2021.5.01.0201) ajuizado pelo sindicato em 2021, visando a parada do C-5302/ compressor da U-1530, que operava com sua turbina em condições de precariedade.

No decorrer do processo, a gestão da Petrobrás cumpriu, na ocasião, liminar obtida para providências, para fazer a manutenção do equipamento, tendo parcialmente sanado o problema. Sucede, porém, que por se tratar de uma máquina antiga de acionamento manual, e pela falta de manutenção preventiva por parte da empresa, os trabalhadores continuam hoje submetidos a um maior tempo de exposição ao ruído – acima do limite de tolerância e temperaturas elevadas -, além do risco de vazamentos de vapor, sempre iminentes. Ou seja: as causas do problema persistem!

Assim sendo, sabendo que esse tipo de situação é recorrente e que se espalha por outras unidades da refinaria, o Sindipetro Caxias exige que medidas sejam tomadas para garantir a vida, a integridade física e a saúde dos trabalhadores. Requeremos em juízo o prazo de 60 dias úteis, para elaborar um novo levantamento minucioso das condições atuais de todos os equipamentos similares a referida turbina na refinaria, e entregar para a Petrobrás, denunciando no próprio processo a falta de manutenção preventiva e o sucateamento que a gestão da empresa insiste em esconder, colocando em risco a vida e a saúde de seus trabalhadores.

Depois de um ano com muitos acidentes, inclusive um fatal, exigimos mais investimentos em manutenção, efetivo e segurança nas unidades da empresa. Caso não haja, após apresentado relatório pelo sindicado, uma resposta satisfatória aos problemas relatados, nossos advogados pedirão nova perícia, a par de fatos novos que vierem a ser apurados, podendo fazê-lo neste mesmo processo ou através de nova ação coletiva. Inclusive, é o que temos feito em todos os processos referentes a segurava e saúde: atualizando as ocorrências insalubres e perigosas, para pedir novas providências, perícias, diligências.

Dr. Aderson Bussinger
Diretor Yves Medeiros